J.S. Bach (1685 – 1750)

Cantata do Café (BWV 211) – 27’
Inspirado pela crescente da fama do café no início do século XVIII, Zimmermann, proprietário de uma cafeteria, na cidade de Leipzig, na Alemanha, chamada de Kaffeehaus encomenda de Bach uma cantata sobre café para ser executada em sua cafeteria. A cantata cômica conta a história de um pai que tenta fazer com que sua filha não tome café, oferecendo-lhe até um noivo como forma de acordo. A filha, Lieschen, aceita finalmente a troca, mas, espertamente, inclui uma cláusula que a permite tomar café sempre que ela quisesse no contrato matrimonial.
Soprano
Joicy Carvalho • A Filha: Lieschen
Baixo
Caio Abreu • O Pai: Schlendrian
Tenor
Natã Milhomem • Narrador
Primeiro Violino
Luiz Junior
Segundo Violino
Ana Flávia
Viola
Gleyston Silva
Violoncelo
Lucas Morais
Flauta
Aline Martins
Piano
Fábio Leite
Professor Orientador
Dr. Luciano Pontes

Want to print your doc?
This is not the way.
Try clicking the ⋯ next to your doc name or using a keyboard shortcut (
CtrlP
) instead.